terça-feira, 15 de março de 2016

Compesa realiza obras emergenciais para atender três cidades do Agreste



Obras emergenciais serão realizadas pela Companhia Pernambucana de Saneamento-Compesa para assegurar mais água para as cidades de São Bento do Una, Lajedo e Calçado, localizadas no agreste pernambucano.  As ações  previstas  integram  um convênio entre  o Ministério da Integração Nacional e o Governo de Pernambuco,  um investimento de  R$ 1,2 milhão. 

“Para não deixar a população destas cidades sem abastecimento, diante de um quadro climático desfavorável, o governador Paulo Câmara saiu em busca de recursos para assegurar os investimentos  necessários para viabilizar as obras  para estas cidades do agreste, região  hoje  com a maior dificuldade de abastecimento”, afirmou o presidente da Compesa, Roberto Tavares, durante a assinatura da Ordem de Serviço para o início das obras, ontem (14), na sede da companhia, em Recife. 

Participaram da solenidade, a prefeita de São Bento do Una, Débora Almeida, o secretário da Casa Militar, Cel. Eduardo  Pereira e o secretário executivo da Defesa Civil, Ten. Coronel Fábio  Rosendo, além do diretor Regional do Interior da Compesa, Marconi de Azevedo e do gerente Regional da Unidade de Negócios Ipojuca, Gilvandro Barbosa, responsável pela administração local das cidades beneficiadas.

As obras objetivam ampliar a oferta de água a partir da Barragem Pau Ferro, situada no município de Quipapá e que é responsável pelo abastecimento de água das três cidades, embora hoje só consiga atender o município de Lajedo, em virtude das dificuldades de captação e transporte da água. Com as intervenções a serem realizadas, a Compesa terá condições de ampliar em 100% a capacidade de produção de água para os três municípios, passando de 60 para 120 litros de água por segundo. Atualmente, a Barragem Santa Rita, na cidade de Calçado, está na iminência de colapso. 

Já São Bento do Una, abastecida pelo Sistema Bitury, também está numa situação crítica. “Com as obras planejadas, iremos retomar a distribuição de água para São Bento do Una e Calçado por meio do Sistema Pau Ferro, garantindo o fornecimento de água para 30 mil pessoas das duas cidades”, observa o Diretor Regional do Interior da Compesa, Marconi de Azevedo.

Para regularizar a distribuição de água nas três cidades, a Compesa irá implantar 3 km de adutora e ampliará a capacidade da estação elevatória do Sistema Pau Ferro, permitindo o funcionamento simultâneo de duas bombas, além de garantir maior confiabilidade operacional ao sistema. “O esforço do governo e da Compesa está sendo muito grande para tocar obras tão urgentes e importantes para garantir o direito a água à população dessas três cidades o mais rápido possível”, argumentou o presidente Roberto Tavares, ao estimar a execução das obras em seis meses. Outra garantia dada pelo titular da Compesa é que a empresa irá ampliar o número de carros-pipa para atender a população até a conclusão das intervenções.

Entusiasmada com a perspectiva de uma solução para o abastecimento de água de São Bento do Una, a prefeita do município, Débora Almeida agradeceu o empenho do governador Paulo Câmara e do presidente da Compesa, Roberto Tavares, na liberação dos investimentos. “A água é um bem indispensável e esta obra é uma grande conquista para a população da nossa cidade”, pontuou a prefeita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário