segunda-feira, 18 de abril de 2016

Diretor de órgão da Prefeitura de Olinda é preso em operação policial

Alex André Valença Caldas é diretor de Departamento de Licença e Habite-se

Os presos e materiais apreendidos estão sendo levados para o Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro de Afogados / Foto: Amanda Miranda/JC

Os presos e materiais apreendidos estão sendo levados para o Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro de Afogados

Foto: Amanda Miranda/JC

A Polícia Civil cumpre, na manhã desta segunda-feira (18), seis mandados de prisão preventiva e seis de busca e apreensão contra suspeitos de integrar uma associação criminosa investigada por estelionato, usurpação de função, concussão e peculato, com atuação no município de Olinda, na Região Metropolitana do Recife (RMR). O diretor de Departamento de Licença e Habite-se da Prefeitura de Olinda, Alex André Valença Caldas, é alvo de um mandado de prisão preventiva.


A investigação que resultou na operação Abre Alas teve início a partir de uma denúncia feita pela Prefeitura de Olinda e também está acontecendo no Recife. Um dos mandados de busca e apreensão está sendo cumprido nas Diretorias de Controle Urbano e Diretoria de Licença e Habite-se de Olinda.

Os presos e materiais apreendidos estão sendo levados para a sede de Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro de Afogados, Zona Oeste do Recife.

INVESTIGAÇÕES - As investigações da Operação Abre Alas começaram no mês de fevereiro deste ano, sob coordenação dos delegados Breno Varejão e Euricélia Nogueira. Ao todo, cerca de 60 policiais civis estão participando. Os detalhes da operação vão ser apresentados nesta terça-feira (19), na sede operacional da Polícia Civil, na Boa Vista, área central do Recife


Em nota, a Prefeitura de Olinda informa que vai se colocar à disposição das autoridades e aguarda resultados da investigação para as providências administrativas que sejam necessárias.

Do JC Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário