quarta-feira, 27 de abril de 2016

Em Pernambuco, 600 professores conhecem os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

professoresods-ecod.jpg
Seminário apresentou a Agenda 2030 da ONU para cerca de 600 professores da rede municipal de Sâo Bento do Una, em Pernambuco
Foto: Anilda Pereira/Pnud Brasil

Em São Bento do Una, em Pernambuco, 600 professores da rede municipal de ensino puderam conhecer a Agenda 2030 da ONU durante um seminário promovido na segunda-feira, 25 de abril, pela pasta municipal de Educação com o apoio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud).

Ao longo do encontro “Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) – Promovendo a Transformação no Nosso Mundo”, os profissionais não apenas receberam informações e conteúdos a respeito da nova agenda da comunidade internacional, como também participaram de oficinas para criar um plano de ação para 2016.

A secretária-executiva do núcleo Nós Podemos São Bento do Uma – outra organização que auxiliou o município da realização do seminário –, Anilda Pereira, afirmou durante o evento que “o momento de hoje é uma oportunidade de empoderar os professores no entendimento da nova agenda para a elaboração de projetos escolares voltados ao desenvolvimento sustentável, promovendo a transformação do nosso mundo”.

Os programas de extensão universitária – e suas iniciativas voltadas para o restante da sociedade – são fundamentais para difundir a Agenda 2030 e para tornar os estudantes das faculdades mais conscientes acerca dos desafios concretos enfrentados por comunidades locais.

O encontro é parte de um projeto mais amplo que tem como prioridade transformar os colégios em um espaço efetivamente plural, permitindo a expressão das diferenças e dando oportunidade a todos de conhecer os novos ODS.

Projeto de extensão

O seminário também contou com o suporte da Secretaria de Governo da Presidência da República e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). O curso de Relações Internacionais da instituição desenvolve um projeto de extensão voltado para o estudo e difusão dos Objetivos Globais da ONU.


A oficial do Pnud responsável pelo programa de divulgação dos ODS no Brasil, Ieva Lazareviciute, destacou a importância da mobilização de diversos grupos e setores sociais para garantir o cumprimento da Agenda 2030.

“O engajamento proativo das instituições acadêmicas no trabalho de territorialização dos ODS não só amplia nosso alcance, levando as informações até municípios e bairros mais distantes, mas também ajuda a formar uma próxima geração de profissionais mais atenta às questões de sustentabilidade”, explicou Lazareviciute.

Segundo a representante da agência da ONU, os programas de extensão universitária – e suas iniciativas voltadas para o restante da sociedade – são fundamentais para difundir a Agenda 2030 e para tornar os estudantes das faculdades mais conscientes acerca dos desafios concretos enfrentados por comunidades locais.

(Via ONU Brasil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário