segunda-feira, 4 de abril de 2016

Eslovenos e os negócios em Pernambuco


Negócios na área de logística, TI, produtos agrícolas, produtos sustentáveis, recursos humanos estão entre os interesses da missão empresarial da Eslovênia, que visita Pernambuco a partir do próximo dia 30. A delegação, formada por 18 jovens empreendedores do país, participará de um Encontro de Negócios Eslovênia Pernambuco, organizado pelo Governo do Estado, Fiepe, Amcham e Porto Digital.
Essa é a primeira delegação empresarial do País europeu que visita Pernambuco, segundo o cônsul da República da Eslovênia, Rainier Michael. Ano passado, a embaixadora, Milena Smit, participou de uma série de encontros com diversos setores da cadeia produtiva no Estado. “Agora, pretendemos aproximar esses empresários em busca de negócios aqui das empresas locais”.
A cachaça pernambucana é um dos interesses dos empresários estrangeiros. No ano passado, três representantes do país estiveram em Pernambuco e manifestaram interesse em projetos tendo a bebida brasileira como carro-chefe. “A Eslovênia é um bom potencial por ser um país que tem estabilidade econômica”, disse a diretora executiva da Associação Pernambucana dos Produtores de Aguardante de Cana e de Rapadura (Apar), Margareth Rezende.
A aproximação com o país também renderá um manual “Como Fazer Negócios em Pernambuco”. O material tratará da matriz econômica do Estado e oportunidades de mercado. Na pauta da visita ainda estão programados um Grande Expediente Especial na Assembleia Legislativa (Alepe) e a inauguração do novo consulado da Eslovênia em Recife. A comissão também participará do Seminário PE Competitivo, dia 31, co apresentação da TGI Consultoria sobre principais setores da economia local e o Projeto Recife 500 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário