quinta-feira, 14 de abril de 2016

Europa exigirá visto a norte-americanos e canadenses

Divulgação
A Comissão Europeia propôs hoje a suspensão da isenção de visto para norte-americanos e canadenses que ingressam no espaço Schengen. Como os Estados Unidos exigem vistos de cidadãos provenientes da Bulgária, Croácia, Chipre, Polônia e Romênia, a comissão se sentiu obrigada a também impor um regime aos cidadãos norte-americanos que entram na Europa.

A medida surge em um momento em que as fronteiras europeias passam por um momento turbulento. A Áustria acabou de introduzir um plano de gestão de fronteiras na passagem de Brenner e controles locais ocorrem em fronteiras de quase todo o continente."Os Estados Unidos e no Canadá são dois dos nossos mercados mais importantes e também os mais antigos. Em um momento de dificuldade para a indústria do turismo na Europa, isso não terá resultados favoráveis", afirma o CEO da Associação Europeia de Turismo, Tom Jenkins.

O presidente da entidade, Mario Bodini, reforça este ponto de vista “Há de haver reciprocidade nos controles de visto, mas não quando estão envolvidos 15 bilhões de euros em negócios e 600 mil empregos. Sem contar que a reciprocidade é o item mais ignorado no que diz respeito ao visto: os europeus têm mais liberdade para viajar pelo mundo do que os visitantes que chegam ao continente”, finalizou Bodini.

Nenhum comentário:

Postar um comentário