sexta-feira, 8 de abril de 2016

Santo Amaro ganha sede de escola municipal com o triplo do tamanho da unidade antiga

Escola conta com sala de recursos multifuncionais para atendimento individualizado aos alunos com deficiência, além de mesas interativas para auxiliar no processo de alfabetização

Escola segue o padrão de acessibilidade / Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

Escola segue o padrão de acessibilidade

Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

A Escola Municipal Lutadores do Bem, no bairro de Santo Amaro, na área central do Recife, ganhou nesta quinta-feira (7) uma nova sede. Agora mais amplo, totalmente climatizado e seguindo o padrão de acessibilidade, o local recebeu investimento de R$ 2,4 milhões.


"Antes as crianças estavam num espaço sem condições adequadas para a aprendizagem, e agora estão podendo contar com um ambiente assim, com biblioteca, com laboratório de ciências, informática, robótica, com área de lazer que eles também não tinham", pontuou o prefeito Geraldo Julio, durante entrega da nova sede. A escola conta ainda com uma sala de recursos multifuncionais para atendimento individualizado aos alunos com deficiência, além de mesas interativas para auxiliar no processo de alfabetização.

O prédio, que fica ao lado da estrutura antiga, foi recebido com uma apresentação artística da Banda Paulo Freire e passistas da Escola Municipal Karla Patrícia, de Boa Viagem. Pais, alunos, professores e toda a equipe que atuarão na escola estavam reunidos para conhecer as novas instalações.

Osnir de Oliveira Lima já foi estudante da antiga sede e hoje comemorou a nova estrutura onde, atualmente, seu filho está estudando. "Não imaginei que fosse viver para ver isso acontecer. Estudei aqui na década de 80, e nunca tivemos aqui uma qualidade como essa. O prefeito não está entregando só uma escola, mas uma condição de futuro diferente para as crianças que estudam e que vão estudar aqui", considerou o pintor.


SAEPE - A rede municipal de ensino do Recife obteve, em 2015, o maior crescimento na série histórica do Sistema de Avaliação da Educação Básica de Pernambuco (Saepe), que avalia os alunos do 3º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental, nas disciplinas de Português e Matemática.

Do JC Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário