quarta-feira, 18 de maio de 2016

24 de maio é o Dia Nacional do Café

Especialista do Pão de Açúcar fala sobre como os novos hábitos de consumo transformaram o mercado da bebida

No dia 24 de maio é celebrado o Dia Nacional do Café. Um dos motivos pela data especial é a relação dos brasileiros com a bebida, sendo um dos maiores consumidores da iguaria em todo o mundo, bebendo cerca de 80 litros per capita por ano, atrás apenas dos norte-americanos, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic).
De acordo com a especialista em café de qualidade da rede Pão de Açúcar, Eliana Relvas, tem aumentado cada vez mais o interesse do consumidor brasileiro pela bebida, principalmente por café gourmet. “As pessoas começam a degustar cafés diferentes e descobrem as nuances de aromas e sabores distintos  que existem nessa rica bebida. Os cafés gourmets favorecem a percepção das notas aromáticas existentes nos cafés de melhor qualidade e com isso os consumidores passam a valorizar cada vez mais esta bebida”, conta Relvas. Ainda segundo a especialista, atualmente a rede tem observado uma maior procura por grãos especiais. Nos últimos anos os nossos clientes têm mostrado cada vez mais interesse pela bebida e está muito mais exigente, procurando e consumindo cafés de melhor qualidade e aprendendo a valorizar esta iguaria”, explica.
Atento a esse mercado, o Pão de Açúcar foi pioneiro em ter uma micro torrefação em lojas e possuir uma gôndola interativa, que apresenta os diferentes tipos de grãos vendidos: arábica e robusta e torrado e moído, sempre focando na educação e no conhecimento para o cliente. Agora, a aposta da rede é focar nas harmonizações do café com outros alimentos como doces, por exemplo, e apresentar para o consumidor as diferentes possibilidades de consumo e de preparo dos nossos cafés”, destaca a especialista.
Outros dados
Um estudo da Abic mostrou que o café está presente em 98% das residências brasileiras, graças ao aumento do mercado de quase 20% nos últimos anos. Ainda segundo o estudo, embora o consumo do café “gourmetizado” (expressão apenas comercial) esteja em franco crescimento, este hábito ainda é feito, em 64% das vezes, dentro de casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário