terça-feira, 17 de maio de 2016

Teatro de Santa Isabel no Recife abre suas portas ao público na celebração dos seus 166 anos

img_alt

Visitas guiadas, apresentações de dança e concerto da Banda Sinfônica do Recife estão na programação que tem entrada franca (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)
 
Ele é um dos 14 teatros monumentos do país, e em 2015 foi considerado o melhor do Brasil pelo Prêmio Cenyn de Teatro Nacional. O Teatro de Santa Isabel, equipamento cultural da Prefeitura do Recife, celebra 166 anos de existência esta semana. Para marcar a data, uma programação especial, gratuita, com apresentações musicais e de dança, além de visitas guiadas abertas ao público, foi montada e acontece nesta terça-feira (17), sábado (21) e domingo (22).
 
O Teatro de Santa Isabel foi inaugurado no dia 18 de maio de 1850, numa homenagem à princesa Isabel, com o drama O Pajem D’Aljubarrota, de Mendes Leal, escritor português dos mais encenados na primeira metade do século. Ao longo de sua história, o equipamento foi palco de grandes lutas libertárias e apresentações culturais. Por lá passaram nomes como Joaquim Nabuco, Olavo Bilac, Dom Pedro II, Castro Alves, Tobias Barreto, Carlos Gomes, a Bailarina russa Ana Pavllowa, Procópio Ferreira, dentre outros.
 
O público recifense vai ter a oportunidade de conhecer a história desse equipamento centenário em visitas guiadas que serão realizadas em três dias. A primeira, nesta terça (17), a partir das 14h, conta com alunos de escolas públicas e privadas, já pré-agendadas, que visitarão o teatro dentro do Projeto de Educação Patrimonial. A atividade conta com a parceria do Ópera Studio da UFPE que fará uma apresentação ao final do passeio.
 
No sábado (21), especialmente por conta do aniversário,  e no domingo (22), as visitas são abertas ao público, sem pré-agendamento, e podem ser feitas em três horários: 14h, 15 e 16h. Com duração de 50 minutos e limite de 25 pessoas, por grupo, o passeio leva o visitante a conhecer detalhes da construção, todas as dependências do teatro e aspectos históricos interessantes. A entrada é gratuita.
 
 
Dança – Também no sábado (21), outra boa opção é assistir ao espetáculo Três Mulheres e Um Bordado de Sol, da Compassos Cia. de Dança. A montagem mescla dança, teatro, literatura e música para mostrar o universo feminino criando sua história no mundo, com suas multiplicidades e singularidades. O espetáculo será apresentado em dois horários: 18h e 20h30, com lotação para apenas 65 lugares. Os ingressos poderão ser retirados gratuitamente na bilheteria do Santa Isabel, uma hora antes de cada apresentação, e com o limite de apenas 1 (uma) entrada por pessoa.
 
Música – No domingo (22), às 18h, as celebrações dos 166 anos do Teatro de Santa Isabel serão encerradas com a apresentação da Banda Sinfônica da Cidade do Recife. Sob o comando do maestro Nenéu LIberalquino, os músicos apresentarão um repertório especialmente preparado para a ocasião. O público poderá retirar seu ingresso gratuitamente na bilheteria do teatro, a partir das 17h. Será permitida a retirada de dois ingressos por pessoa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário