segunda-feira, 2 de maio de 2016

Wi-fi nos ônibus vira realidade na Região Metropolitana do Recife


Uma boa notícia para os passageiros de ônibus, em tempos de tanta negatividade. Os coletivos da Região Metropolitana do Recife começaram a ganhar internet wi-fi gratuita, uma tentativa do Grande Recife Consórcio de Transportes (GRCT) de qualificar o serviço de transporte, tão criticado pelo usuário. O sinal de wi-fi está em teste na linha opcional RioMar-Apipucos, que liga a Zona Norte ao centro de compras, localizado na Zona Sul do Recife. E o que é melhor: sem qualquer custo para o setor, seja o passageiro ou os empresários.

Por enquanto, o projeto piloto está sendo feito numa parceria entre a Etra, empresa espanhola que venceu licitação do Estado para implantar o programa de informação do sistema de transporte (Simop), e a operadora Vivo. Um único veículo está em teste com o sinal e, até a próxima terça-feira (3/5), a frota de seis coletivos deverá estar circulando equipada. A internet oferecida, entretanto, tem limitações.

Serviço é restrito ao interior do ônibus e limita acesso a conteúdos com imagens. Fotos: Roberta Soares
Serviço é restrito ao interior do ônibus e limita acesso a conteúdos com imagens. Fotos: Roberta Soares

Está configurada para atender apenas no interior do ônibus – o que é lógico –, tem capacidade para até 60 usuários de uma vez e impede o acesso a conteúdos com imagens, como filmes, por exemplo. É ideal mesmo para o uso do WhatsApp, Facebook e Twitter. De toda forma, é uma iniciativa que demonstra cuidado com o passageiro e, por isso, elogiável.

Oferta será ampliada para toda rede. Pelo menos essa é a promessa do GRCT e deverá acontecer até o fim do ano. Após o teste, que deverá durar um mês, será realizado um chamamento público e a empresa vencedora – uma agência de publicidade ou operadora de telefonia – oferecerá o serviço em troca de propaganda nos ônibus.

Wi-Fi_passageiro


A oferta de internet no ônibus é uma iniciativa excelente. Dá qualidade à viagem. Espero que seja ampliada para outras linhas”
Fernando Barbosa, estudante

A escolha da RioMar-Apipucos para receber o piloto não foi à toa. A linha, com tarifa de R$ 5,25, continua com baixa demanda. Transporta 800 passageiros/dia, quando deveria levar o dobro. O GRCT está muito cuidadoso com o piloto por causa das chamadas áreas de sombras, quando o sinal da wi-fi não chega. Tem medo de passar vexame como aconteceu em outros projetos de tecnologia na RMR.

A reportagem testou a wi-fi no ônibus da linha RioMar–Apipucos e conversou com os passageiros. Também bateu um papo com o diretor de Tecnologia da Informação do GRCT, Fernando Guedes. Assista webvídeo no Blog De Olho no Trânsito (jc.com.br/deolhonotransito) e confira o serviço.

Veículos estão identificados com o serviço de wi-fi
Veículos estão identificados com o serviço de wi-fi

De Olho no Trânsito - JC

Nenhum comentário:

Postar um comentário