segunda-feira, 20 de junho de 2016

Operação Ajuda Cidadã inicia recuperação das áreas atingidas pelas chuvas

Lançada nesta segunda-feira (13.06) pelo prefeito Junior Matuto, a Operação Ajuda Cidadã já iniciou as obras e ações de recuperação dos estragos causados pelas chuvas no bairro do Fragoso, em Paulista. A ação integrada, que mobiliza seis secretarias municipais, conta com um efetivo de 460 pessoas, entre trabalhadores, técnicos e ressocializandos do sistema prisional. Durante o mutirão, diversos serviços da prefeitura estão sendo realizados na comunidade para amenizar o sofrimento da população que foi afetada pelas chuvas das últimas semanas. A iniciativa está recebendo um investimento de R$ 500 mil – recursos que seriam utilizados para montar a estrutura das festas juninas deste ano.

O trabalho de reconstrução das áreas atingidas pelas chuvas – principal objetivo da Operação Ajuda Cidadã – envolve a limpeza de canais, canaletas, galerias do sistema de drenagem; capinação; poda de árvores, entre outros serviços. A iniciativa conta com o apoio de 80 homens e diversas máquinas, entre elas, 02 escavadeiras, 02 retroescavadeiras, 06 caminhões caçamba e 02 carros de passeio. Nesta manhã, os funcionários começaram a limpeza do canal que corta o bairro e as ruas adjacentes.

Os moradores também receberam a visita dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias (ACS e ACE). Eles estão percorrendo a comunidade para cuidar do bem-estar da população. Além de orientar, os profissionais também estão combatendo as doenças provocadas pelo mosquito Aedes Aegypti, escorpiões e roedores. O cadastro do cartão SUS também está entre as providências tomadas pela Secretaria Municipal de Saúde.

Ao mesmo tempo, equipes da assistência social estão na comunidade para cadastrar os moradores nos programas sociais e verificar a situação daqueles que já estão participando. Os agentes da Defesa Civil estão aproveitando a oportunidade para monitorar as áreas consideradas de risco e ainda desenvolver ações educativas com a população.

“Com a Operação Ajuda Cidadã, vamos realizar intervenções nas cinco comunidades mais atingidas pelas chuvas no município, entre elas, Sítio Fragoso, no Fragoso; Vila da Chesf, em Torres Galvão; Vila dos Canos, em Jardim Paulista; Meia Lua, em Paratibe; e Sítio do Jorge, em Maranguape I. Estaremos a cada semana numa localidade diferente para minimizar os efeitos do inverno. Esperamos que nenhuma tragédia ainda maior aconteça”, frisou o prefeito Junior Matuto, que durante o lançamento do Ajuda Cidadã assinou um convênio com o Governo de Pernambuco para contar com o apoio de ressocializando nessa ação.

Presente ao ato, o secretário de Justiça e Direitos Humanos de PE, Pedro Eurico, parabenizou a gestão municipal por dar oportunidade aos ressocializandos. Na visão dele, os 80 homens que vão atuar na limpeza dos canais farão um trabalho solidário, ajudando muitas pessoas que sofreram com as chuvas.

Uma dessas pessoas é dona de casa Natelma Simplício da Silva, 31 anos, que teve a casa invadida pela água da chuva. “Estou achando essa ação da prefeitura muito importante pra gente que mora aqui no Fragoso. Tenho certeza que a situação agora vai melhorar bastante para todo mundo”, comentou.

Por conta dos alagamentos, muitas pessoas perderam tudo, inclusive, os documentos pessoais. Em função disso, as comunidades serão beneficiadas por uma ação integrada envolvendo a Prefeitura do Paulista e o Governo do Estado. A população poderá dar entrada na segunda via do RG, Certidão de Nascimento e CTPS. A ação, que será realizada ainda neste mês, vai contar com o apoio do Instituto Tavares Buril e Secretaria de Defesa Social (SDS).       
    
TEMPORAL EM PAULISTA – No último dia 30 de maio, um temporal causou estragos por toda parte em Paulista. A chuva que castigou o município alcançou 204 milímetros em apenas 12 horas – o esperado para quase dois meses –, deixando mais de 800 pessoas desalojadas. Outras quatro mil famílias atingidas perderam tudo. Em função disso, o prefeito Junior Matuto decretou Situação de Emergência por 180 dias com a proposta de agilizar as providencias necessárias para restabelecer a normalidade na cidade. Antes disso, o gestor municipal também criou o gabinete de Emergência para ajudar as localidades mais prejudicadas.

SEM FESTEJOS JUNINOS – Neste ano, o município do Paulista não terá o já tradicional Paulistar. A festa de São João da cidade foi cancelada por conta dos estragos provocados pelas chuvas. O recurso que seria empregado nos festejos juninos está sendo aplicados nas ações de recuperação das áreas atingidas.    

Nenhum comentário:

Postar um comentário