quarta-feira, 22 de junho de 2016

Projeto Mais Vida Nos Morros chega ao Córrego do Jenipapo no Recife

img_alt

Prefeito Geraldo Julio visitou o local nesta terça (21), que ganhou um colorido diferente nas casas, geomantas e muros de arrimo, além de outras ações de cidadania (Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR)

O colorido do projeto Mais Vida nos Morros chegou ao Córrego do Jenipapo nesta 2ª etapa do programa. A área contemplada foi a comunidade Córrego do Fernandinho, onde cerca de 200 famílias foram beneficiadas com vários serviços de cidadania para a população. O prefeito Geraldo Julio acompanhou nesta terça-feira (21) o trabalho realizado pela Prefeitura do Recife, em parceria com a iniciativa privadas, e pelos próprios moradores na comunidade.

A Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos, junto com os moradores da comunidade, fizeram os serviços de pinturas em residências, geomantas e muros de arrimo; aplicação de cerâmica colorida em escadarias, postes e paradas de ônibus; implantação de hortas comunitárias e instalação de Geladotecas, aproveitamento de geladeiras sem uso, como bibliotecas para a comunidade, e parklets. A Prefeitura instalou um mirante com jardim em um local onde antes havia um ponto de acumulo de lixo.

“Um projeto como este traz muita coisa para a vida das pessoas. Como diz o próprio nome, é Mais Vida nos Morros. Aqui tem um colorido diferente, horta, praça, mirante e o orgulho das pessoas de morarem aqui. Foram os próprios moradores, com parceiros privados, que fizeram isso aqui, com a mobilização da Prefeitura. Os moradores agora estão morando em um bairro colorido e cheio de vida”, destacou o prefeito.

O objetivo da Prefeitura do Recife é levar esse conceito de intervenção para mais oito (08) territórios ao longo do ano de 2016, beneficiando diretamente mais de 2.000 famílias. A próxima área será a Rua Juma, Córrego do Joaquim, em Nova Descoberta, a partir do início de julho Crianças residentes na comunidade do Córrego do Jenipapo participaram dos mutirões de pintura, colorindo muros e casas com as próprias mãos. Estão previstas áreas de convivência e espaços para jogos de futebol em trechos interditados de ruas.

Os moradores escolheram as cores das suas casas, relacionando a cor da tinta a um sentimento com a comunidade: esperança, prosperidade, amor, vitória. Os serviços também foram realizados nos finais de semana, com a ajuda de todos os moradores, inclusive pessoas de comunidades vizinhas. Os recursos do projeto são provenientes de uma parceria com a iniciativa privada e nesta área contou com o apoio da Iquine, Armazéns Coral e Pamesa.

“É muito importante chegar esse tipo de ação aqui no bairro. Mexe com todo mundo. O visual da comunidade melhorou, o acesso ficou melhor e achei muito bom o trabalho feito pelos próprios moradores”, disse Davi Campelo, 16 anos, estudante. “Espero que todos aqui zelem pelo trabalho, com o que é novo e nosso. Isso aqui tem que durar”, acrescentou.

O Projeto Mais Vida nos Morros é também uma estratégia de Defesa Civil para conscientização, prevenção e inovação social e integração de projetos e ações. Tem o objetivo de estimular a mudança de comportamento dos moradores das áreas de risco e engajá-los em cuidar ainda mais da sua comunidade, especialmente no que diz respeito ao lixo descartado irregularmente nas barreiras e às ocupações irregulares.

A partir de intervenções urbanas, a Prefeitura do Recife pretende despertar cada vez mais o sentimento de comunidade, de preocupação com o coletivo, aumentar a autoestima, fortalecer a identidade e o orgulho do morador das áreas de risco para com o seu território. A proposta é consolidar a ideia de que defesa civil não se faz só com o Poder Público, mas com a sociedade e, no caso, com os parceiros da iniciativa privada e os moradores das áreas de risco.

“Eu visito muito as comunidades que precisam de mais atenção. Então, quando o prefeito me procurou para colaborar com este projeto, através da Secretaria de Infraestutura e da Defesa Civil, não hesitei em ajudar”, explicou Domingos Moreira, proprietário do Armazém Coral, um dos colaboradores. “Venho aqui ainda para pedir que outros empresários também ajudem. Com o mínimo que puderem, já será uma grande ajuda”, continuou.

Outro parceiro foi a Tintas Iquine, que forneceu parte do material para o serviço. “Para a gente é um orgulho e uma felicidade participar de um projeto como este. Em um local como este, após o serviço ficar pronto, podemos ver de perto a felicidade no rosto de cada um dos moradores. O projeto promove a segurança, com os trabalhos feitos pela Defesa Civil, mas também a cidadania, deixando uma mensagem para quem passa por aqui”, detalhou Alan Souza, representante da empresa.

O Projeto-piloto do Programa Mais Vida nos Morros foi lançado no mês de abril, pelo prefeito do Recife, Geraldo Julio. A primeira área contemplada com as ações foi o Alto do Maracanã, zona norte do Recife. No local, 100 casas receberam pinturas coloridas, em diversas tonalidades. Além disso, foram implantadas cinco áreas de convivência e 20 hortas colaborativas. Escadarias, geomantas e muros de arrimo localizados no entorno do Alto do Maracanã receberam pintura em toda a sua extensão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário