quinta-feira, 30 de junho de 2016

UPA-E do Arruda é inaugurada após mais de dois anos de espera

A unidade terá capacidade para ofertar, por mês, cerca de 21 mil procedimentos de média complexidade

Anunciada pelo Governo do Estado em 2012, ao todo a UPA-E do Arruda custou R$ 6,7 milhões / Foto: Reprodução/ TV Jornal
Anunciada pelo Governo do Estado em 2012, ao todo a UPA-E do Arruda custou R$ 6,7 milhões
Foto: Reprodução/ TV Jornal



A Unidade Pública de Atendimento Especializado (UPA-E) Deputado Antônio Luiz Filho foi entregue à população nesta quinta-feira (30). A unidade de saúde, localizada no Bairro do Arruda, Zona Norte do Recife, deveria estar funcionando desde 2013. Ao custo de R$ 6,7 milhões a UPA será administrada pela prefeitura do Recife, com gestão do Hospital do Câncer.


A UPA-E do Arruda terá capacidade para ofertar, por mês, cerca de 21 mil procedimentos de média complexidade, num espaço de 1200 metros quadrados, entre consultas especializadas e exames, além de 20 especialidades como cardiologia, neurologia, reumatologia, eletrocardiograma, USG e Eco/Doopler. Uma equipe multidisciplinar, capacitada para realização de atendimento integral, atenderá a população no horário das 7h às 19h, em dias úteis, com acesso referenciado pela Central de Regulação.

Anunciada pelo Governo do Estado em 2012, ao todo a UPA-E do Arruda custou R$ 6,7 milhões. No último dia 15, um inquérito civil foi aberto pela 44ª promotoria de defesa do patrimônio para apurar suposta omissão do Estado na obra. Em 2010, um termo de paralisação da obra por "indisponibilidade orçamentária para construção" foi emitido pela secretaria estadual de Saúde.

JC Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário