terça-feira, 5 de julho de 2016

China concluiu a construção de um telescópio gigante para caçar alienígenas


A China acabou a construção do maior radiotelescópio do mundo e agora é o país com a ferramenta mais avançada para a busca por vida alienígena.

De acordo com a agência chinesa Xinhua, cerca de 300 “construtores, especialistas, entusiastas de ficção científica e repórteres” assistiram à instalação do telescópio FAST, um equipamento esférico de 500 metros colocado na província de Guizhou. O projeto consumiu cinco anos e US$ 180 milhões para ser concluído, e cobre a área de mais ou menos 30 campos de futebol.

O FAST é quase duas vezes maior do que o segundo maior radiotelescópio do mundo, que está em Porto Rico. Ele será usado para pesquisas iniciais por cientistas chineses nos próximos anos, e depois passará a ter um uso mais amplo. O FAST é capaz de detectar ondas gravitacionais, pulsares e até mesmo aminoácidos em outros planetas.

De acordo com Zheng Xiaonian, da agência de astronomia chinesa, o FAST será líder global na área ao menos pelas próximas duas décadas. Sua construção faz parte do plano chinês de se tornar uma potência espacial – um desejo do presidente Xi Jinping. O país asiático quer levar um homem à Lua até 2036, além de construir uma estação espacial.

[Reuters, Xinhua via The Next Web]

Nenhum comentário:

Postar um comentário